S. J. Ver: Apanhado com taxa de alcoolemia superior a 3 g/L… duas vezes na mesma noite

S. J. Ver: Apanhado com taxa de alcoolemia superior a 3 g/L… duas vezes na mesma noite

O condutor residente em Romariz ainda ameaçou atropelar os agentes “um a um”

• Foi uma noite em cheio para o residente de Romariz | Foto: Arquivo/DR

Um homem de 54 anos, natural de Romariz, que conduzia de modo errante e com taxa de alcoolemia superior a 3 g/L, foi detido duas vezes na mesma noite – uma madrugada longa com o condutor a ameaçar atropelar agentes da autoridade.
  
Tudo começou na noite de sábado, 10 agosto, pelas 23h00, quando uma patrulha GNR de Lourosa reparou que o condutor não estaria nas melhores condições para conduzir. De acordo com a notícia avançada, hoje, pelo JN, o homem residente em Romariz foi forçado a parar e quase chocou com o veículo da GNR – sujeito ao teste de alcoolemia, acusou uma taxa de álcool no sangue de 3,45 g/L. Ainda no local os militares de Lourosa verificaram que a viatura não possuía seguro.
  
Primeira visita ao posto da GNR
 
Levado para o posto da GNR e feito o protocolo de identificação e constituição de arguido, o condutor foi imediatamente proibido de conduzir, tanto pelo seu estado de alcoolemia como pelo facto de não ter seguro no veículo.
 
De volta ao posto
 
Já ao sair do posto começou a discutir e ameaçou os militares de morte, dizendo que os iria “atropelar um a um”, avança o mesmo periódico. Foi assim reconduzido ao posto uma segunda vez para proceder a nova identificação e requisitos legais – passado algum tempo estava de novo de volta à rua. 
 
À terceira é de vez
 
Três horas depois e com a mesma viatura, o condutor pôs-se a caminho de um bar na zona, mas foi novamente intercetado pela GNR de Lourosa que obrigou a novo teste – acusou 3.03g/L e mais uma vez foi escoltado para o posto, onde desta vez ficou detido. 
 
No dia seguinte, o Ministério Público decidiu que o suspeito vai aguardar julgamento  em liberdade, submetido a termo de identidade e residência.

​Sobre a taxa de Alcoolémia

“É proibido conduzir com uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 0,5 gramas por litro (ou 0,2 gramas por litro para novos condutores).
 
Quando a taxa de alcoolemia é igual ou superior a 1,2 gramas por litro, é considerado crime e punido com pena de prisão até um ano ou com pena de multa até 120 dias. Este crime implica a perda de seis pontos na carta de condução.”

 

Fonte ACP

Crime com pena de prisão
 
Conduzir com uma taxa igual ou superior a 1,2g/l qualifica-se como crime e acarreta uma pena de prisão até 1 ano, ou multa até 120 dias.

 

Se quiser saber mais sobre a qualificação das taxas de alcool, penas, coimas ou proibição de conduzir, clique aqui.

 

CLIQUE NO SINO VERMELHO EM BAIXO DO LADO DIREITO

SUBSCREVA GRATUITAMENTE

DIGA SIM ÀS NOTIFICAÇÕES DO DIÁRIO DA FEIRA,

E RECEBA AS NOTÍCIAS NA HORA, EM QUALQUER LUGAR

Notícias Relacionadas

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.