Paços de Brandão estreia-se frente ao União de Lamas

Paços de Brandão estreia-se frente ao União de Lamas

Fausto Sá e Hélder Neto fazem análise ao jogo, plantel e objetivos para a época

Texto: Tânia Silva | Fotos: Ventura Santos

União de Lamas e Paços de Brandão jogaram ontem, 17 agosto, o primeiro dérbi da pré-época. Um encontro de vizinhos que serviu para testar soluções e conhecer jogadores.   

União de Lamas – 4 

C.D. Paços de Brandão – 0

A equipa da casa venceu sem dificuldades por 4-0 com golos de Nelinho, Balla, António e o Joca. Ricardo Nascimento colocou no banco grande parte dos jogadores utilizados no torneio de Vilanovense e aproveitou o jogo-treino para fazer alinhar outra equipa, na procura de novas soluções e conhecer o potencial de todo o plantel. 

O objetivo do União para esta época passa por vencer o maior número de jogos, “sabemos que não será possível ganhar todos, mas queremos disputar os lugares cimeiros”, diz Fausto Sá, diretor-desportivo do clube, ao sublinhar que a subida dos juniores também está na mira para este ano. “Queremos chamar a formação à equipa principal. Este ano, reforçamos os juniores com três jogadores estrangeiros, um luso-francês e dois brasileiros, e 80 por cento da equipa são atletas de segundo ano. Temos uma equipa bastante competitiva e que terá uma palavra muito séria na subida”. Quanto ao plantel sénior, Fausto Sá, explica que o União de Lamas “está sempre aberto para uma mais-valia”, apesar de já ter os 23 jogadores definidos.  

No primeiro teste da equipa brandoense, Hélder Neto, não se mostrou surpreendido com o resultado, falou do desnível de preparação existente entre as duas equipas, mas admitiu ter gostado da atitude dos seus jogadores e da forma como jogaram nos primeiros trinta minutos, salientou que sete dos seus jogadores ainda estão de férias e o clube continua à procura de avançados. 

Hélder Neto

 

“O plantel ainda não está fechado — estamos à procura de avançados. Hoje, tivemos muitas ausências, mais de metade da equipa ainda está de férias e muitos miúdos que aqui estiveram estavam a ser observados”, diz Hélder Neto ao explicar que cinco dias de treino não chegam para recuperar a forma física desejada. “O jogo teve três períodos, o primeiro gostei pela forma como nos entregamos, mas só temos cinco dias de treino e falta muita preparação. Depois dessa meia hora, o objetivo foi rodar jogadores e ficar à espera dos resultados”. 

Para a esta época o objetivo do Paços passa por assegurar a manutenção de forma tranquila e o mais rápido possível, invertendo a tendência das últimas épocas. “O objetivo é fazer melhor que o ano anterior e não andar aflito como tem acontecido. Queremos alcançar a manutenção o mais cedo possível”.

União de Lamas

Equipa Técnica

 

Ricardo Nascimento

 

Hugo Cardoso  

Marco Baptista

 

Onze inicial

 

Xavi

Kadu

Joel

David

Sanguedo

Grando

Souza

Caio

Balla  

Mário

Nelinho  

Jogaram ainda

 

Ayoub

António  

Cornélio

Vitinha

Diogo

Yoan

Joca  

Hélio

 

C.D. Paços de Brandão

Equipa Técnica

 

Hélder Neto

 

Vítor Cunha

 

 

Onze Incial

 

Dani

Rubinho

Rochinha

Candeias

Brito

Vieirinha

Relvas

Pedro Sá

Freixinho

Bruno

Ainda jogaram

 

 

Moutinho

Simão

Ivan

Luís

Paredes

Tiago

André

Vendas

 

 

CLIQUE NO SINO VERMELHO EM BAIXO DO LADO DIREITO

SUBSCREVA GRATUITAMENTE

DIGA SIM ÀS NOTIFICAÇÕES DO DIÁRIO DA FEIRA,

E RECEBA AS NOTÍCIAS NA HORA, EM QUALQUER LUGAR

Notícias Relacionadas