Nos Lóios: Associação Salvador divulga o emprego inclusivo

Nos Lóios: Associação Salvador divulga o emprego inclusivo

Um projeto ambicioso que já permitiu a integração de inúmeras pessoas com deficiência

▌"À medida que constatava a realidade da minha situação de dependência física absoluta, começava a questionar: o que fazer agora da minha vida?", Salvador Mendes de Almeida | Foto: Ass. Salvador

Criada em 2003 por Salvador Mendes de Almeida, a Associação Salvador, atua na área da deficiência motora — os projetos inovadores aliados a resultados excelentes na integração e melhoria da qualidade de vida de inúmeras pessoas com deficiência dão-lhe um lugar de destaque em Portugal. 

Em janeiro a ALPE, Agência Local em Prol do Emprego, traz a Santa Maria da Feira a Associação Salvador para uma ação de sensibilização direcionada para a prática do emprego inclusivo — o objetivo é promover a integração profissional de pessoas com deficiência motora e sensibilizar as entidades empregadoras para o recrutamento inclusivo.
 
Fundada em 2003, a Associação Salvador atua em três áreas: conhecimento, integração e sensibilização. Em Santa Maria da Feira, a associação vai apresentar a integração no apoio ao emprego — um projeto que iniciou em Lisboa em 2015 e chegou ao Porto em 2018.  
 
“Em Portugal, a taxa de desemprego das pessoas com deficiência motora é significativamente superior à média nacional. Face a esta realidade, a Associação Salvador criou o projeto de apoio ao emprego que tem como objetivo potenciar a integração profissional de pessoas com deficiência motora, contribuindo para um mercado de trabalho mais inclusivo”, refere a associação ao relembrar que o projeto ganha uma importância renovada se tivermos em conta a “Lei n.º 4/2019, de 10 de janeiro, que estabelece quotas de emprego, no setor privado, para pessoas com deficiência, com grau de incapacidade igual ou superior a 60%, abrangendo as médias e grandes empresas. O cumprimento da lei deverá ser executado num prazo máximo de cinco anos, constituindo uma contraordenação grave o seu incumprimento”. 

Apesar desta obrigatoriedade a Associação Salvador salienta que “ter um emprego é essencial para a autonomia e para a qualidade de vida de qualquer pessoa”.

PUB - Clique no anúncio para aceder ao Facebook do Caracas II

Entre as temáticas apresentadas constam ainda as medidas de apoio do Estado à contratação de pessoas com deficiência e exemplos de sucesso de pessoas com deficiência motora que já se encontram integradas no mercado de trabalho.
 
A sessão acontece no dia 23 de janeiro, das 14h30 às 16h00, no Museu Convento dos Lóios, a entrada é gratuita, mas sujeita a inscrição através do número de telefone 256 372 076.

Testemunho de Salvador Mendes de Almeida 

 

“No dia 2 de agosto de 1998, com 16 anos, tive um acidente de mota que me deixou tetraplégico.

O primeiro confronto com a realidade foi muito duro. A minha família viveu comigo todos aqueles momentos, de sofrimento, de pânico e angústia. Foi e é a minha família que me fortalece até hoje, bem como os meus amigos.

À medida que constatava a realidade da minha situação de dependência física absoluta, também me começava a questionar: o que fazer agora da minha vida? Qual o meu futuro daqui por diante? O que poderei fazer face a esta situação? 

As respostas foram surgindo aos poucos. Empenhei-me na fisioterapia, com disciplina e motivação. No início mexia apenas o pescoço e atualmente tenho algum movimento de braços que me permite, por exemplo, ter total autonomia na utilização do telemóvel.

Prossegui com os meus estudos com muito empenho e concluí a minha formação, licenciando-me em Marketing.

Entendi que deveria tentar ter uma vida o mais próxima possível da normalidade. E foi assim, que fui conseguindo encontrar o equilíbrio necessário para continuar a minha caminhada ascendente.

Criei a Associação Salvador, com a missão de promover a integração das pessoas com deficiência motora na sociedade e melhorar a sua qualidade de vida.  

Os últimos anos foram de extrema importância para a Associação Salvador, tendo-nos afirmado como uma instituição de referência em Portugal. Os próximos tempos serão também decisivos para a consolidação das nossas ações e desenvolvimento de novos projetos.

É com sentido de compromisso e com enorme prazer que assumo um papel interveniente na defesa dos direitos das pessoas com deficiência motora”.

CLIQUE NO SINO VERMELHO EM BAIXO DO LADO DIREITO

SUBSCREVA GRATUITAMENTE

DIGA SIM ÀS NOTIFICAÇÕES DO DIÁRIO DA FEIRA,

E RECEBA AS NOTÍCIAS DE SANTA MARIA DA FEIRA, NA HORA, EM QUALQUER LUGAR

Diário da Feira sempre presente em Argoncilhe, Arrifana, Caldas de São Jorge e Pigeiros, Canedo, Vale, Vila Maior, Escapães, Fiães,  Fornos, Lourosa, Lobão, Gião, Louredo, Guisande Milheirós de Poiares, Mozelos, Nogueira da Regedoura, Paços de Brandão, Rio Meão, Romariz, Sanguedo, Santa Maria da Feira, Travanca, Sanfins, Espargo, Santa Maria de Lamas, São João de Ver, São Miguel do Souto, Mosteirô, São Paio de Oleiros