(VÍDEO) S. Paio de Oleiros rende-se às marchas de Santo António

(VÍDEO) S. Paio de Oleiros rende-se às marchas de Santo António

• O Santo António trouxe o povo de Oleiros à rua para comer, beber e divertir-se

Junho é o mês dos santos populares com festas e arraiais por todo o país. Inspirados por esta tradição e em especial pelo sucesso das Festas Sanjoaninas que trazem milhares de malapeiros à rua. A Comissão de Festas de N.ª Sr.ª da Saúde e St.º António de São Paio de Oleiros para 2019 decidiu levar as marchas de Santo António às ruas da freguesia — quem se deslocou a S. Paio de Oleiros para assistir à iniciativa adorou o que viu.

 

O Parque da Nossa Senhora da Saúde estava à pinha e foi fabuloso ver marchantes de todas as faixas etárias a cantar e a dançar com tanto afinco. Até nos bastidores se batia o pé e aqui uma nota especial para as marchantes da Tuna que contagiavam com tão boa disposição.   

 

No capítulo das atuações os parabéns vão para todos, mas não podemos fechar sem “pedir” uma salva de palmas muito especial para o grupo de jovens que com muito “à vontade e descontração” subiu ao palco, trajado de perucas e sacos plásticos, e entregou uma cantoria reformulada, num belíssimo texto que juntou, e bem, as marchas, a freguesia e a reciclagem, “S. Paio de Oleiros uma freguesia limpinha”

 

A organização endereçou o convite a todas as associações e coletividades da freguesia, apareceram seis, um número que satisfez, mas espera-se que para o ano seja ainda maior. 

 

O Santo António trouxe o povo de Oleiros à rua para comer, beber e divertir-se e teve nota máxima — superou as expetativas de todos, em especial da tenda de comes e bebes que a partir das 21h00 teve que improvisar.  

Um bacalhau tardio

A história do sorteio do bacalhau ficou para o fim: “Cheguei à festa, comprei a última rifa e saiu a mim o bacalhau. Obrigada Comissão de Festas de Nossa Senhora da Saúde e Santo António 2019”, Rosa Cristina Dias. 

CLIQUE NO SINO VERMELHO 

SUBSCREVA GRATUITAMENTE ÀS NOTIFICAÇÕES DO DIÁRIO DA FEIRA

Ajude-nos a entregar um jornalismo regional atrevido e sem tabus.

Somos um jornal diário e gratuito para sobreviver  precisamos dos seus cliques e da sua subscrição. 

CLIQUE NO SINO VERMELHO, CONFIRME A SUA SUBSCRIÇÃO