Europarque discute futuro da qualificação profissional face às exigências do mercado

Europarque discute futuro da qualificação profissional face às exigências do mercado

• O debate prepara-se para responder à questão mais pertinente da empregabilidade do século XXI 

“Estarão as universidades, as escolas e os centros de formação a responder de forma adequada e atempada às necessidades das empresas? Que medidas devem ser tomadas para que o país possa preparar e disponibilizar profissionais suficientes e com as competências necessárias para que a economia portuguesa evolua para um patamar mais elevado?” É neste contexto que a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã organiza no próximo dia 26 de junho, a partir das 9h00, no Europarque, a conferência “Empregos qualificados exigem qualificações adequadas — Estamos preparados?” 

A conferência insere-se no plano de atividades que assinala os 65 anos da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã e reúne um conjunto de especialistas e decisores, portugueses e alemães. 

O debate prepara-se para responder à questão mais pertinente da empregabilidade do século XXI : a enorme dificuldade que as empresas já sentem para encontrar profissionais com competências adequadas para determinadas funções.  

“Acreditamos que poderemos dar um contributo fundamental na procura de soluções para estes problemas, que são transversais a todas as áreas da economia” — sublinha a organização que há mais de 35 anos desempenha um papel ativo no panorama da formação profissional em Portugal. 

 

CLIQUE NO SINO VERMELHO 

SUBSCREVA GRATUITAMENTE ÀS NOTIFICAÇÕES DO DIÁRIO DA FEIRA

Ajude-nos a entregar um jornalismo regional atrevido e sem tabus.

Somos um jornal diário e gratuito para continuarmos o nosso trabalho, precisamos dos seus cliques e da sua subscrição. 

CLIQUE NO SINO VERMELHO, CONFIRME A SUA SUBSCRIÇÃO