“Mãe vou à seleção” – Mónica Alho, atleta do CAF

“Mãe vou à seleção!” – Mónica Alho, atleta do CAF

“Vou dar o meu máximo para honrar Portugal”

▌No Académico da Feira a notícia foi recebida “com enorme alegria”

Mónica Alho é guarda-redes e integra a equipa sénior do Académico da Feira; recebeu a primeira convocatória do clube para integrar a equipa de sub 17 da seleção nacional. 
 
As boas prestações da “muralha do CAF”  abriram-lhe as portas da equipa nacional de sub-17 e Mónica Alho não esconde a alegria de fazer parte da lista de jogadoras  convocadas para a seleção. 
 
“Quando recebi a notícia não pude acreditar; estava no autocarro a vir da escola e saí na paragem com o coração nas mãos e lágrimas nos olhos. Tentei acalmar-me e liguei à minha mãe, mas só consegui dizer: mãe vou à seleção nacional”.  Com o coração aos pulos a atleta correu para casa — a notícia tinha de ser dada à avó e à irmã; “nós as quatro temos lutado muito por este meu sonho desde que entrei no hóquei, mas principalmente nas últimas três épocas”, diz ao explicar que a distância que separa a sua casa do clube, “cerca de uma hora”, não as fez desistir de sonhar com a convocatória para a seleção.  
 
Quanto às novas companheiras de equipa, a atleta do CAF conhece apenas algumas, mas “temos muito boas jogadoras e tenho expetativas positivas para o torneio, se trabalharmos com dedicação e amor à camisola”.
 
Um sonho que se torna realidade é uma oportunidade que Mónica Alho não pretende desperdiçar, por isso “vou dar o meu máximo para honrar Portugal, honrar a minha família e os amigos e honrar o meu clube”. A atleta não esquece quem a ajudou e agradece “a todos os que ao longo dos quase dez anos de hóquei me apoiaram e ajudaram. Gostava de dizer o nome de todos, mas ficava aqui o dia inteiro, por isso quero agradecer à minha mãe, avó, irmã, ao meu treinador e colegas de equipa atual, ao Bom Sucesso e aos meus amigos”.
 
No Académico da Feira a notícia foi recebida “com enorme alegria” e “é um grande orgulho ver uma atleta do Académico da Feira representar as cores nacionais”. Para a direção esta chamada acarreta muitos aspetos positivos, entre eles, irá “certamente, servir de incentivo às restantes colegas de equipa e atletas do clube para que possam ambicionar chegar sempre mais longe”. 
 
Esta chamada é também “o reconhecimento do bom trabalho que temos vindo a desenvolver neste escalão, do crescimento de todas as atletas a nível individual e em conjunto, confirmando que a aposta na criação do escalão sénior feminino foi uma aposta acertada”, diz a direção.

PUB

// Clique nos ícones para nos visitar nas redes sociais /

CLIQUE NO SINO VERMELHO EM BAIXO DO LADO DIREITO

SUBSCREVA GRATUITAMENTE

DIGA SIM ÀS NOTIFICAÇÕES DO DIÁRIO DA FEIRA,

E RECEBA AS NOTÍCIAS DE SANTA MARIA DA FEIRA, NA HORA, EM QUALQUER LUGAR

Diário da Feira sempre presente em Argoncilhe, Arrifana, Caldas de São Jorge e Pigeiros, Canedo, Vale, Vila Maior, Escapães, Fiães,  Fornos, Lourosa, Lobão, Gião, Louredo, Guisande Milheirós de Poiares, Mozelos, Nogueira da Regedoura, Paços de Brandão, Rio Meão, Romariz, Sanguedo, Santa Maria da Feira, Travanca, Sanfins, Espargo, Santa Maria de Lamas, São João de Ver, São Miguel do Souto, Mosteirô, São Paio de Oleiros