Câmara da Feira amadrinha “viagem pela história” em Cabo Verde

Feira amadrinha "Viagem pela História" em Cabo Verde

•  Protocolo levou para Cabo Verde 60 trajes para figurantes, mas acima de tudo levou a experiência da “Viagem Medieval”.

Em 2021 – 2022, Fernão Magalhães vai regressar a Cabo Verde. O projeto chama-se “Viagem pela História” e o autor é a Câmara Municipal da Ribeira Grande de Santiago. Santa Maria da Feira entra nesta equação e pode-se lisonjear pelo facto de Manuel Pina, presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande de Santiago, se ter inspirado na nossa Viagem Medieval para a sua recriação histórica. 

Foi em 2017 que  Manuel Pina, pediu ao nosso edil, Emídio Sousa, para lhe ceder a experiência do nosso concelho e com isso nasceu a primeira “Viagem pela História”, em Cabo Verde.  

“Na primeira edição da Viagem pela História demos todo o apoio na recriação através da nossa equipa técnica e no final do evento os nossos técnicos redigiram um relatório minucioso de forma a detetar falhas e melhorar a qualidade”, afirmou Emídio Sousa ao explicar a dinâmica desta colaboração.  

Vive-se em Cabo Verde o nascer daquilo que poderá ser uma irmã gémea da nossa Viagem Medieval, um evento que tem, de acordo com Emídio Sousa, potencial para se tornar de importância nacional e que demonstra que o país “está a fazer paz com a sua história, que é de uma riqueza enorme”. 

Este ano, Santa Maria da Feira, volta a estar presente, cedeu 60 trajes para figurantes e apoia, novamente, com a sua experiência técnica. Como afirma o presidente da Câmara da Feira “há sempre coisas a melhorar”.

Para Santa Maria da Feira a relevância desta colaboração é a garantia de que “o que fazemos, fazemos bem”, principalmente no que toca à Viagem Medieval que desde 1996 acumula experiência. 

Nos últimos anos, as nossas associações e os técnicos da Câmara Municipal têm sido requisitados como especialistas na área para auxiliar e participar em recriações por esse mundo fora. É indiscutível que a Viagem Medieval em Terras de Santa Maria tem o selo de qualidade e o reconhecimento internacional que fazem de Santa Maria da Feira um dos mais qualificados “players” na área da recriação. 

 

“Temos marca mundial nesta área. Somos procurados por diversos países espalhados por múltiplos continentes.” — Acentuou Emídio Sousa.

CLIQUE NO SINO VERMELHO 

SUBSCREVA GRATUITAMENTE ÀS NOTIFICAÇÕES DO DIÁRIO DA FEIRA

Ajude-nos a entregar um jornalismo regional atrevido e sem tabus.

Somos um jornal diário e gratuito para continuarmos o nosso trabalho, precisamos dos seus cliques e da sua subscrição. 

CLIQUE NO SINO VERMELHO, CONFIRME A SUA SUBSCRIÇÃO

Notícias Relacionadas