Bizfeira completa 7 anos “com resultados notáveis para a economia feirense”

Bizfeira completa 7 anos “com resultados notáveis para a economia feirense”

O Município de Santa Maria da Feira é hoje um dos dez maiores exportadores do País

▌Foto: Diário da Feira

A 31 de março de 2014, a Câmara Municipal de Santa Maria da Feira apresentava publicamente, no Europarque, e na presença do então Primeiro Ministro, Pedro Passos Coelho, o projeto Bizfeira. Sete anos passados, os números alcançados e as mudanças que inscreveu no território confirmam o sucesso e a inovação deste projeto potenciador da economia local: cerca de 6 000 novos postos de trabalho criados, 1 000 visitas realizadas a empresas, 3 000 novas empresas criadas e 2 000 atendimentos empresariais personalizados.

“É um projeto ambicioso e inovador que teve e continua a ter um papel fundamental para o desenvolvimento económico e empresarial do território de Santa Maria da Feira e também para a sua projeção no estrangeiro e, muito em especial, na Diáspora Feirense”, definiu Emídio Sousa, presidente da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, e acrescentou que este projeto que hoje, 31 de março de 2021, completa sete anos, acaba por ser “o chapéu de todas as nossas ações de diplomacia económica, de captação de investimento estrangeiro, de parcerias económicas, de apoio às empresas e de promoção da internacionalização, das exportações e da empregabilidade”.

O Bizfeira desenvolve a sua ação assente em nove principais eixos de intervenção – Atendimento Personalizado a Empresários e Investidores pela Presidência da Câmara, Captação de Investimento, Plataforma http://www.bizfeira.pt, Missões Empresariais, Infraestruturas de Acolhimento, Embaixadorias, Articulação com Sistema Científico, Redes de Cooperação –, com enfoque no aumento dos negócios e competitividade das empresas feirenses, na criação de emprego e no reforço da notoriedade do território para a atração de investimento empresarial.

O Município de Santa Maria da Feira é hoje um dos dez maiores exportadores do País e, de acordo com os últimos dados divulgados pelo INE – Instituto Nacional de Estatística, com cerca de 16 000 empresas de quase todos os setores de atividade. A taxa de desemprego que se situava nos 15%, passou já para uma situação próxima de pleno emprego.

Os próximos tempos serão incertos em termos económicos devido à COVID-19, mas como reforçou o autarca, “os investimentos que continuam a fixar-se no território e a criação de novas empresas e, consequentemente, novos postos de trabalho, deixam-me otimista quanto ao futuro económico do território”. A Câmara Municipal continuará a sua aposta no desenvolvimento de clusters emergentes que, a par da localização estratégica, recursos humanos qualificados, parques empresariais modernos e acompanhamento personalizado em todas as fases do investimento, conferem a Santa Maria da Feira um cunho empreendedor e competitivo, capaz de ultrapassar os novos desafios da economia.

De referir que a plataforma do Bizfeira – http://www.bizfeira.pt – foi distinguida com o 1º Prémio Nacional dos “Prémios Europeus de Promoção Empresarial 2016” (categoria “Apoio à Internacionalização das Empresas”), iniciativa da Comissão Europeia, com coordenação nacional do IAPMEI, que distingue anualmente boas práticas de promoção do Empreendedorismo na Europa. A Agência para a Modernização Administrativa reconheceu também esta plataforma como um exemplo de boas práticas e inseriu-a na Rede Comum do Conhecimento.

Leia ainda
👁️‍🗨️ Você é o leitor DF número
  • 2.097.276