Hospital S. Sebastião celebra Dia Mundial da Criança com novas incubadoras

Hospital S. Sebastião celebra Dia Mundial da Criança com novas incubadoras

Três novas incubadoras vão reforçar a Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais

▌Arquivo / DR-PD

Com a chegada das três novas incubadoras a Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais (UCIN) do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV)  deu início a uma renovação de equipamentos nesta área da Pediatria.

Para celebrar o Dia Mundial da Criança, dia 1 de junho, o Serviço de Pediatria e Neonatologia do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV) para além da entrega simbólica de três novas incubadoras, com um investimento de cerca de 45 mil euros, também preparou a entrega duma pequena lembrança a todas as crianças e recém-nascidos internados. 

Fátima Menezes, directora do Serviço de Pediatria e Neonatologia, refere ”este seria tradicionalmente um dia cheio de atividades, para surpreender os mais pequenos, já que o Centro Hospitalar  acredita fortemente na humanização e o nosso Serviço tem tido muito empenho nos seus cuidados de parceria com os pais. Mas neste tempo de Pandemia todas as atividades estão restritas, pelo que aproveitamos a chegada destas três novas incubadoras para simbolicamente celebrar este dia especial”.

Para Miguel Paiva, presidente do Conselho de Administração do CHEDV: ” o investimento na renovação dos equipamentos da nossa instituição é uma prioridade que tem vindo a ser concretizada com várias aquisições para responder às necessidades dos vários serviços. O concurso para a aquisição destas novas incubadoras da Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais está concluído, cumprindo assim um objectivo estratégico, face à importância que atribuímos à saúde infantil da nossa região”.

A Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais do CHEDV  presta cuidados aos recém-nascidos desde o limiar da viabilidade, apenas transferindo os recém-nascidos com necessidade de cirurgia ou com doença cardíaca grave. Todos os outros são atendidos nesta unidade de Cuidados Intensivos Neonatais, única a prestar cuidados a estes bebés entre a área do Grande Porto e Coimbra. 

“Graças à experiência dos nossos profissionais e dotação tecnológica da UCIN podemos resolver localmente a grande maioria de situações  que possam surgir, sem necessidade de ter que transferir nenhum recém-nascido para outra unidade de saúde”, explica Fátima Menezes, directora do Serviço de Pediatria e Neonatologia do CHEDV.

PUB

Leia ainda
👁️‍🗨️ Você é o leitor DF número
  • 1.813.740