Miguel Paiva mantém presidência do conselho de administração do CHEDV

Miguel Paiva mantém presidência do conselho de administração do CHEDV

A resolução do Conselho de Ministros foi divulgada ontem

▌Uma recondução pelos resultados conseguidos, onde Miguel Paiva destaca o trabalho de uma equipa de excelência | Foto: Ventura Santos

A recondução de Miguel Paiva na presidência do conselho de administração do Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga, foi divulgada ontem — o objetivo do novo mandato passa por diversificar com “qualidade” e “de forma humana” os cuidados de saúde da instituição. 

Por resolução do Conselho de Ministros e sob proposta do Ministério da Saúde, Miguel Paiva, foi ontem, reconduzido presidente do conselho de administração do Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga (CHEDV) — uma nomeação que chega pelos resultados atingidos sob a sua liderança. 

Miguel Paiva chegou à presidência do conselho de administração do CHEDV em 2015 — no decorrer do seu mandato, nos últimos cinco anos, a unidade hospitalar que junta numa instituição única, as unidades de Santa Maria da Feira, S. João da Madeira e Oliveira de Azeméis “alcançou sucessos assinaláveis, atingindo praticamente todos os objetivos estratégicos e operacionais fixados”.

Entre os projetos concretizados, a reorganização do Serviço de Urgência é o destaque, mas outros há que foram enaltecidos, entre eles o projeto “Utente 360.º”, “Qualidade nas Artroplastias”, a criação de Centros de Responsabilidade Integrada de última geração e a criação do primeiro CRI para tratamento cirúrgico da obesidade que se destaca pela “qualidade e volume de doentes tratados”.

Às inovações juntam-se os elogios e, de acordo com a informação divulgada, a gestão de Miguel Paiva garantiu ao CHEDV “o primeiro lugar da lista de hospitais do sector público com maior número de elogios entrados na Entidade Reguladora de Saúde”, sendo “reconhecido pelo Ministério da Saúde como centro de referência na área de oncologia para o tratamento do Cancro Hepatobilio/Pancreático, algo que poucos hospitais da sua dimensão conseguiram”.

Por último, mas não menos importante, os níveis de produtividade alcançados — o CHEDV é “hospital do grupo C do Serviço Nacional de Saúde com melhores níveis de produtividade por médico e por enfermeiro”. 

Sucessos que Miguel Paiva salienta só foram possíveis porque lidera “uma equipa de excelentes profissionais”, que transformam as adversidades em barreiras transponíveis.  

“Apesar de algumas dificuldades, ao longo dos cinco anos que trilhamos juntos, os resultados que alcançamos, reforçando a imagem de confiança da população no nosso trabalho, aumentando a cada ano a produção de cuidados de saúde, qualificando e diferenciando a nossa resposta e mantendo-nos sempre no topo de eficiência, são motivos de orgulho para todos nós e de incentivo para continuarmos neste caminho”. 

Ao falar do futuro e dos próximos cinco anos, Miguel Paiva, destaca a importância de manter os resultados conseguidos e salienta a ‘obrigação’ de subir a fasquia.  

“Conhecendo todo o potencial que existe nas pessoas desta instituição, não tenho dúvidas de que poderemos não só manter o elevado nível já alcançado, mas subir ainda a novos patamares, tanto na diversificação e diferenciação dos cuidados de saúde que disponibilizamos como na qualidade e humanização da forma como tratamos os doentes”.

A Miguel Paiva, juntam-se Rita Moutinho e Sara Pereira, que já integravam o conselho de administração, e a equipa de vogais executivos constituída por Helga Magalhães Lima e pelo médico Carlos Carvalho.

PUB - Clique no anúncio para aceder ao Facebook das Piscinas de Lourosa
👁️‍🗨️ Você é o leitor DF número
  • 1.326.739

Diário da Feira sempre presente em Argoncilhe, Arrifana, Caldas de São Jorge e Pigeiros, Canedo, Vale, Vila Maior, Escapães, Fiães,  Fornos, Lourosa, Lobão, Gião, Louredo, Guisande Milheirós de Poiares, Mozelos, Nogueira da Regedoura, Paços de Brandão, Rio Meão, Romariz, Sanguedo, Santa Maria da Feira, Travanca, Sanfins, Espargo, Santa Maria de Lamas, São João de Ver, São Miguel do Souto, Mosteirô, São Paio de Oleiros