Próxima Viagem Medieval poderá ter oferta de pulseiras até ao 12º ano

Próxima Viagem Medieval poderá ter oferta de pulseiras até ao 12º ano

Recinto será gradualmente prolongado até à Escola EB 23 Fernando Pessoa

• Paulo Sérgio Pais, (à direita) fez a análise da edição deste ano e levantou véu para 2020 | Foto: Ventura Santos

Alguns segredos da Viagem Medieval para 2020 já foram revelados — aquele que é o maior evento do concelho da Feira vai decorrer de 29 de julho a 9 de agosto; traz à cidade as disputas entre Dona Leonor e o Mestre de Avis e tenciona alargar a oferta da pulseira até aos alunos dos 12.º ano. 
 
No último dia da Viagem Medieval e em declarações à Agência Lusa Paulo Sérgio Pais, diretor-geral da recriação falou do próximo período histórico da Viagem Medieval — o “Interregno de 1383 a 1385”, destacando a Batalha de Aljubarrota, onde em menos de uma hora cerca de 7 mil guerreiros lusos derrotaram 30 mil castelhanos. Valeu aqui a perícia e inovações bélicas introduzidas por Nuno Álvares Pereira, que mais tarde ficou conhecido como “O Santo Condestável” e um dos maiores estrategas militares português de todos os tempos — venceu todas as batalhas que travou e tornou-se o padroeiro da Infantaria nacional. A estes enredos, Paulo Sérgio Pais, salpica ainda a com histórica da padeira Brites de Almeida que, após a batalha em Aljubarrota, terá matado sete castelhanos com a sua pá de madeira, ao descobri-los escondidos no forno do pão.
 
Em 2019 todos os alunos com residência ou inscrição escolar no concelho, seja em estabelecimentos de ensino da rede pública ou da privada, receberam gratuitamente a pulseira livre-trânsito. 2020 poderá ter uma nova meta porque “mesmo não se tendo vendido bilhetes a esses estudantes, eles fizeram aumentar o fluxo de visitantes efetivos no recinto”, explica Paulo Sérgio Pais ao adiantar que em “2020 devemos fazer o mesmo até ao 12.º”. 
 

A circulação no evento “nunca atingiu níveis incómodos” porque este ano “o recinto foi alargado e contou com o novo pórtico do Carrascal, que funcionou muito bem”, diz Paulo Sérgio Pais ao lembrar que o alargamento continuará a ser gradualmente prolongado até à Escola EB 23 Fernando Pessoa.

Números da edição de 2019

 

• 12 dias 

• 34 hectares 

• Cerca de 700.000 visitantes

• 2.000 colaboradores 

• 400 voluntários

• 1.700 performances 

• 70.000 visitantes no último sábado  —  a maior afluência de sempre

• 1,5 milhões de euros — orçamento global

CLIQUE NO SINO VERMELHO EM BAIXO DO LADO DIREITO

SUBSCREVA GRATUITAMENTE

DIGA SIM ÀS NOTIFICAÇÕES DO DIÁRIO DA FEIRA,

E RECEBA AS NOTÍCIAS NA HORA, EM QUALQUER LUGAR

Notícias Relacionadas